wordpress

Então, você acabou de lançar seu novo site WordPress. Você escolheu cuidadosamente um tema, acrescentou alguns plugins bacanas e seu conteúdo. Excelente trabalho!

Mas, você está esquecendo alguma coisa? Às vezes estamos com tanta pressa para deixar o site funcionando que nos esquecemos de alguns pequenos (mas ainda assim importantes) detalhes.

Segue 5 coisas que você vai querer certificar-se de ter feito:

1. Menu Configurações

O menu Configurações no painel do WordPress tem alguns desses detalhes acima mencionados que muitas vezes são esquecidos.

Ajustes > Geral
Certifique-se de que o campo título e descrição do site estão devidamente preenchidos. Não é nada profissional exibir o antigo “Just Another WordPress site” que aparece na barra do navegador (ou pior ainda, nos resultados de pesquisas).

Também certifique-se de que você tenha definido o formato de fuso horário e data/hora corretos. Você não gostaria que as datas ou horas apareçam errados em seu blog, certo?

Configurações > Discussão
Muitos sites hoje em dia não estão usando os recursos de comentário do WordPress. Dê uma visita nesta página e verifique se as configurações estão de acordo com sua preferência.

Configurações > Links Permanentes
Verifique se o seu novo site está usando uma agradável estrutura de link permanente (SEO-friendly). Praticamente qualquer configuração fora do padrão deve surtir efeito de forma favorável ao site.

2. Não se Esqueça do SEO

Existem diversos plugins de SEO disponíveis para WordPress. Certifique-se de utilizar um! Embora seu tema possa ter vindo com alguma ferramenta de SEO, otimização de páginas individuais e posts lhe permitirá aumentar seu ranking.

Se seu site tem qualquer conteúdo especial, que você não quer indexar, plugins de SEO podem ajudar com isso também.

Uma dica importante é cadastrar seu site no Google Analytics e Google Webmaster Tools. Essas ferramentas são essenciais para acompanhar o desempenho do SEO para seu site, juntamente com o trabalho de marketing.

3. Ter um Plano de Contingência

Não importa o quão improvável pareça, você pode perder o site a qualquer momento. A combinação de uma queda do servidor e um arquivo de backup corrompido pode significar começar do zero novamente.

É por isso que você precisa ter um plano de emergência local. Seja proativo:

Faça backup regularmente do site, principalmente do Banco de Dados
Há muitos plugins disponíveis que ajudam realizar backup do banco de dados . Alguns podem enviar e-mail de backups pré-agendados para você, ou talvez um serviço de armazenamento em nuvem. Não basta confiar em seu host para cuidar desta tarefa. Ter a capacidade de restaurar a base de dados do seu site em caso de um acidente não tem preço.

Mantenha uma cópia local dos arquivos mais importantes
Se você tiver acesso FTP ao seu site, aproveite e baixe todos os seus arquivos relacionados ao WordPress. A pasta /wp-content/ é muito importante, pois contém o seu tema, plugins, arquivos de mídia e outros dados.

4. Fique Seguro

Existem diversos plugins relacionados com segurança disponíveis, que podem tornar seu site WordPress mais difícil de ser hackeado. Recomendo fortemente utilizar um plugin que irá “travar” um usuário após uma série de tentativas de login incorretos. Isso pode minimizar bots que tentam ataques de força bruta em seu site. Sinto informar, mas estes ataques irão acontecer. É só uma questão de tempo. A boa notícia é que você pode ajudar a proteger seu site com estas ferramentas.

E, não se esqueça, quanto mais complicada for sua senha, melhor!

5. Use um Child Theme

Um Child Theme é uma pasta separada dentro de diretório /wp-content/themes/. Pense nisso como uma extensão do seu site. Você pode usar um Child Theme para personalizar a aparência ou funcionalidades.

Então, qual é a vantagem de ter um Child Theme? Muitas vezes, os desenvolvedores de temas lançarão atualizações (muito parecido com plugins). O Child Theme garante que você não vai perder todas as personalizações feitas ao seu tema, quando essas atualizações são feitas. Imagine ter feito algumas alterações de um arquivo do tema ou em seu estilo, elas não serão perdidas depois de clicar em Update. Esta é uma maneira de se proteger de uma situação indesejável.

Dependendo do seu nível de experiência, um Child Theme pode ser muito fácil de configurar. Se você contratou um web designer/programador para criar o seu site, questione sobre esta opção.

Concluíndo

Criar um novo site é um momento muito emocionante e até mesmo tenso. Você quer ter a certeza de que o site parece e funciona perfeitamente. Separar um tempo para se concentrar nestes detalhes pode fazer uma enorme diferença.